sábado, 14 de abril de 2012

lavou, tá nova

uma amiga querida, sauna, solzinho
quando a gente deixa
a alma cicatriza
rapidinho, rapidinho

3 comentários:

  1. Que poema delicado, tem mesmo a cara da Nana sorridente que vejo por aqui. beijinho

    ResponderExcluir
  2. coube direitinho pra mim!
    dia, hora e tom... ;)

    ResponderExcluir